Inscrições para oficina e palestras do "Cozinha Brasil" seguem abertas em São Pedro da Aldeia

As inscrições para a segunda etapa de oficinas e palestras do Programa “Cozinha Brasil” seguem abertas em São Pedro da Aldeia. Com foco na Educação Alimentar, a programação terá início na próxima terça-feira (11/09), a partir das 10h, no Horto Escola Artesanal. Para se inscrever, basta procurar a unidade portando documentos de identidade, CPF e comprovante de residência, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h, na Rodovia Amaral Peixoto, km 107, no bairro Balneário das Conchas. A iniciativa é uma realização do Serviço Social da Indústria (SESI), do Sistema Firjan, em parceria com a Prefeitura aldeense.

Secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu ressaltou o sucesso da primeira semana do “Cozinha Brasil”, voltada ao público da Assistência Social. “Essa parceria junto ao SESI foi algo surpreendente e muito positivo para nós. São oficinas que envolvem não só a prática de uma receita mais natural, mas também o processo de educação alimentar, a introdução de hábitos mais saudáveis e uma abordagem para uma melhor economia doméstica. Com esse primeiro público dos CRAS, nós vimos que todos saíram muito felizes e motivados a levar esses ensinamentos para o cotidiano de suas famílias. Tivemos algumas turmas cheias, até acima da lotação, e as pessoas vibraram com o que aprenderam e vivenciaram aqui. E agora o público em geral também terá a oportunidade de participar nessa segunda semana de programação. Queremos estender o convite a todos, as inscrições livres continuam abertas”, ressaltou.

A segunda etapa do Programa será destinada ao público livre. A programação segue até o dia 13 de setembro e inclui palestras nos turnos da manhã, das 10h às 11h30, e oficinas de Educação Alimentar à tarde, das 13h30 às 17h30. As oficinas e palestras contam com cerca de 4h de duração e, ao final, os participantes receberão material impresso e certificado. Ao todo, são oferecidas 25 vagas por turma.

As palestras terão como temática a Rotulagem de Alimentos, abrangendo a leitura e interpretação da tabela nutricional. Já as oficinas têm como foco a promoção do consumo consciente, seguro e sustentável voltado à prevenção de doenças, planejamento de cardápio, informações gerais sobre o valor nutricional dos alimentos, estratégias para o aproveitamento integral de alimentos e redução do desperdício, além do preparo de receitas à base de ingredientes simples, práticos, nutritivos e de baixo custo, como o “brigadeiro” de batata doce, a torta de abóbora com berinjela e o suco da horta, feito a partir de couve, maracujá e limão. As explanações e demonstrações são conduzidas pela nutricionista Priscila Senra, com auxílio da cozinheira Risomar de Souza.

Créditos à PMSPA

Postar um comentário

0 Comentários