Programa "Melhor em Casa" leva saúde em domicílios de São Pedro da Aldeia

A equipe do "Melhor em Casa" é composta por no mínimo um enfermeiro e
 três técnicos de enfermagem. Foto: Ascom PMSPA
O programa federal "Melhor em Casa", que visa atender em domicílio acamados e pessoas restritas ao leito, complementando os serviços oferecidos pela Atenção Básica, hospitais, portas de urgência e emergência, entre outros segmentos da rede de saúde, é realizado em São Pedro da Aldeia em parceria com a Secretaria de Saúde da cidade, sendo o único a ter o programa na Região dos Lagos.

O programa “Melhor em Casa”, implementado na cidade desde novembro de 2017, atua primeiramente na desospitalização do paciente. De acordo com o perfil estipulado pelo Ministério da Saúde, uma equipe multiprofissional é enviada ao Pronto Socorro para avaliar o paciente em questão e se o mesmo se encaixa no atendimento do “Melhor em Casa”. Caso haja o perfil, o desospitalizado é enviado para casa e o tratamento é iniciado. A periodicidade das visitas é definida de acordo com a comorbidade e a necessidade do paciente. Atualmente, cerca de 120 pessoas são atendidas pelo programa por mês.

Para realizar o cadastro no Melhor em Casa, é necessário carteira de identidade do paciente e de um cuidador responsável, cartão do SUS e um laudo médico de incapacidade. Após o cadastro na Secretaria de Saúde, a equipe entra em contato para avaliação. A equipe multiprofissional do “Melhor em Casa” é composta por no mínimo um enfermeiro, três técnicos de enfermagem, um médico, um fisioterapeuta, uma assistente social, uma nutricionista e uma psicóloga. O acompanhamento é realizado com todos os familiares que convivem com o paciente.

Créditos ao Diário Aldeense

Postar um comentário

0 Comentários