Lixão Clandestino é reflorestado e área é entregue a população e ao Meio Ambiente

Foto: Renato Proença
Terminaram os trabalhos de recuperação da área degradada por morados inconsequentes e pela própria Prefeitura até o fim do ano passado. O lixão clandestino que funcionava próximo a UPA ainda não inaugurada de São Pedro da Aldeia, especificamente no bairro Balneário das Conchas foi recuperado e reflorestado com cerca de 5 mil mudas de árvores nativas da Região pela Secretaria de Meio Ambiente, Lagoa e Pesca. As ações para a entrega da nova área de recuperação ambiental começaram no início de janeiro.

“É um ganho muito grande para São Pedro da Aldeia. Além de acabar com antigos problemas acarretados pelo lixão, como o mau cheiro e o acúmulo de entulhos que poderiam causar doenças, nós estamos entregando à população uma enorme área verde. Estamos felizes porque estamos cumprindo com a política pública ambiental. Pedimos o apoio da população para que nos ajude a manter o ambiente limpo, livre de entulhos. A conscientização ambiental é de extrema importância.”, declarou a Secretária de Meio Ambiente, Lagoa e Pesca, Adriana Saad.
 foto: Pierre Sampaio

Para dar continuidade ao projeto, constantemente a Secretaria vai fazer a manutenção do local, que consiste no controle de pragas, reposição de espécies, rega e adubagem. A população também tem que fazer sua parte e realizar o descarte de lixo nos lugares corretos e não em áreas que com o passar do tempo trazem prejuízos para todos.

Créditos ao Diário Aldeense

Postar um comentário

0 Comentários